Venus Williams

  • Crédito: WTA

    Venus Williams

Venus Williams

Altura: 1,85m
Idade: 36 Anos
País: Estados Unidos


Venus Ebony Starr Williams (Lynwood, 17 de junho de 1980) é uma tenista norte-americana, ex-número 1 do ranking de simples e de duplas, que se profissionalizou em 1994, treinada por seu pai, Richard Williams. Considerada uma jogadora com um saque dos mais poderosos de todos os tempos, Venus tornou-se, em 25 de fevereiro de 2002, a primeira jogadora negra a liderar o ranking da WTA.

Venus venceu sete torneios de Grand Slam em simples (US Open 2000, 2001 e Wimbledon 2000, 2001, 2005, 2007, 2008),treze torneios de Grand Slam em duplas (Australian Open 2001, 2003, 2009, 2010, Roland Garros 1999, 2010, Wimbledon 2000, 2002, 2008, 2009, 2012 e US Open 1999, 2009), e dois torneios de Grand Slam em duplas mistas (Australian Open 1998 e Roland Garros 1998) totalizando 22 títulos de Grand Slam, uma das marcas mais altas do tênis. Ganhou ainda um WTA Tour Championships (Doha 2008) e uma Fed Cup (1999). É, também, a tenista com mais medalhas olímpicas de todos os tempos, entre homens ou mulheres, com um ouro em simples no ano 2000, e três ao lado da irmã Serena Williams, 2000, 2008 e 2012.

A mais velha das Irmãs Williams tem 45 títulos, sendo 22 Grand Slams. As Irmãs Williams também são as únicas tenistas em atividade a ter feito final em simples em todos Grand Slams, e o fizeram seguidamente (Roland Garros, Wimbledon e US Open 2002 e Australian Open 2003). As americanas protagonizam uma das grandes rivalidades do tênis mundial. Em 27 partidas disputadas, Serena venceu 16 vezes e Venus 11 vezes, sendo 8 desses confrontos em finais de Grand Slam.

As duas começaram a praticar tênis com quatro anos de idade por iniciativa do pai, Richard, que sempre quis fazer delas campeãs da modalidade. Venus treinava em recintos públicos de zonas pobres e marginais de Los Angeles. Aos 10 anos, já era conhecida no país e começou a fazer jogos de exibição, ao lado da irmã Serena, contra jogadoras profissionais.

Em 2005, Venus foi a principal tenista a lutar por prêmios equivalentes para homens e mulheres em Grand Slams. Os torneios de Wimbledon e Roland Garros ainda se recusavam a equiparar as premiações. Venus se encontrou com organizadores de ambos torneios e, apesar de não conseguir de imediato a correção, deixou uma impressão forte para a mídia e o público. Sua luta virou matéria do jornal The Times às vésperas do torneio de Wimbledon, em 2006. A norte-americana declarou que, em sua opinião, atletas de qualquer esporte servem de modelo para mulheres e garotas em todo mundo acreditarem que podem ir tão longe quanto qualquer homem. Sobre o argumento de que os homens jogavam em melhor de 5 sets, enquanto as mulheres jogam em melhor de 3, a tenista rebateu esclarecendo que o prêmio se deve à emoção e diversão que leva ao público, e não pelo tempo que gasta em quadra, mas que ela, no entanto, ficaria feliz em jogar em melhor de 5 sets. Derrubou também o argumento de que as tenistas top, por jogarem menos tempo em simples, podiam ganhar mais prêmios jogando duplas também. Venus questionou se a organização de Wimbledon preferiria que as top deixassem de jogar duplas. Os argumentos da americana ganharam o apoio do primeiro ministro britânico, Tony Blair, do parlamento inglês, da UNESCO e, depois de grande pressão, os prêmios em Wimbledon foram igualados em 2007, e em Roland Garros no ano seguinte. A própria Venus foi a primeira benificiada quando, em 2007, ela venceu Wimbledon e ganhou a mesma quantia que Roger Federer. Venus é considerada a principal responsável pela equiparação dos prêmios.

A tenista americana é também formada em moda. Seu livro Come to win ficou várias semanas na lista dos mais vendidos do The New York Times. Ela possui sua própria grife esportiva, a Eleven, que desenvolve as roupas que Venus usa em suas partidas.

Compartilhe



Veja também...

Publicidade
Publicidade
Publicidade