Davis Cup

A Copa Davis ou Taça Davis é um evento internacional de tênis masculino. A maior competição por equipes no esporte, a Copa Davis é dirigida pela Federação Internacional de Tênis - ITF e é jogada entre times de diversos países, no sistema de eliminação direta (ou mata-mata). Em 2005 134 nações equipes inscritas na competição. O equivalente da Copa Davis para as mulheres é a Fed Cup.

O recordista de participações em jogos da Copa Davis é o italiano Nicola Pietrangeli. Ele disputou 163 partidas (109 simples e 54 duplas), entre 1954 e 1972. Venceu 120 no total.

História

A Copa ou Taça Davis teve sua 1ª edição no ano de 1900 e surgiu a partir de um desafio de quatro alunos da Universidade de Harvard, que tiveram a idéia de desafiar os britânicos, que na época eram os campeões do mundo no tênis, para uma partida no Longwood Cricket de Boston. O jogo seria marcado para o ano seguinte. A equipe dos Estados Unidos era formada por Dwight Davis (que daria nome ao torneio), Malcolm Whitman e Holcombe Ward e a equipe britânica era formada por Herbert Barret, Ernest Black e Arthur Gore. No final, a equipe estadunidense acabou sendo campeã.

As primeiras edições foram disputadas apenas por estadunidenses e britânicos, até que em 1904, belgas e franceses entraram na disputa. A partir daí, o número de participantes passou a aumentar, até que em 1923, a organização teve que dividir as equipes em duas zonas: americana e europeia, apesar que nem sempre a área geográfica seria respeitada.

Como em outras competições, a Davis deixou de ser disputada durante a 1ª Guerra Mundial (1915-1918) e 2ª Guerra Mundial (1940-1945). Além desses anos, a Davis deixou de ser disputada apenas em outras duas ocasiões, em 1901 e 1910.

Com o número de participantes aumentando a cada ano, em 1960 a direção da Davis foi obrigada a criar uma terceira Zona, já que naquela época, 39 países disputavam a competição.

A década de 1970, com o surgimento do Gran Prix, fez com que a Davis tivesse um encurtamento nas datas, o que foi feito após um dos torneios ter 16 meses, invadindo a temporada seguinte. Após muitas críticas, a Davis passou por uma grande reformulação na década de 1980, sendo criado um grupo de elite, o chamado Grupo Mundial, onde as 16 melhores equipes disputariam o título, e as demais equipes teriam que disputar as zonas regionais para chegar neste grupo.

Até 1973, a Davis foi dominada por 4 equipes, Estados Unidos, Reino Unido, Austrália (até 1913 Australásia) e França. Em 1974a África do Sul venceu a Copa Davis, ao chegar a final contra a Índia, a qual se recusou a viajar para a África do Sul em protesto as políticas de Apharteid, sendo desclassificada.

Hoje, a Copa Davis obedece uma fórmula alcançada em 1989[3] . Para não prejudicar o calendário da Associação de Tenistas Profissionais (ATP), a competição acontece em quatro semanas por ano, e em 2010 tinha mais de 130 equipes participantes.

Embora a maioria dos países vencedores sejam europeus, a maioria dos títulos foram conquistados por países não-europeus (Austrália e EUA).

Formato

Em 2010, o título da Copa Davis é disputada por 16 países, que competem num grupo chamado Grupo Mundial. Os demais países disputam uma competição dentro de sua zona regional.

O Grupo Mundial é disputado por 16 equipes, e as partidas são definidas através do ranking da ITF. Na 1ª rodada as equipes que forem derrotadas vão disputar a respescagem para o Grupo Mundial contra as equipes vencedoras do Grupo I. As equipes vencedoras disputam o Grupo Mundial no ano seguinte, e as equipes que perderem disputam o Grupo I de sua respectiva zona.

Existem três zonas regionais, a das Américas, a da Europa/África e a da Ásia/Oceania. Cada zona é dividida em quatro grupos (ou divisões; o grupo II equivaleria a uma terceira divisão).

Recordes

  • O recordista de participações em jogos da Copa Davis é o italiano Nicola Pietrangeli. Ele disputou 163 partidas (109 simples e 54 duplas), entre 1954 e 1972. Venceu 120 no total.
  • A partida que mais tempo durou em toda a competição foi o duelo de duplas entre Stanislas Wawrinka/Marco Chiudinelli, da Suíça, e Tomas Berdych/Lukas Rosol, da República Tcheca, em 2013, que se arrastou por 7h02, com vitória dos tchecos por 6/4, 5/7, 6/4, 6/7 e 24/22.
  • A partida entre Leonardo Mayer 3 x 2 João Souza (Feijão), válida pela Copa Davis de 2015, é o jogo de simples mais longo da história do torneio, com duração de 6h42.

Maiores vencedores

EUA - 32
Austrália - 28
Grã-Bretanha e França - 9
Suécia - 7
Espanha - 5
Alemanha e Rep. Tcheca - 3
Rússia - 2
Itália, África do Sul, Sérvia, Croácia e Argentina- 1

Todos os vencedores

2016 - Argentina(ARG) 3 -  (CRO) Croácia

2015 - Grã-Bretanha (GBR) 3 - 1 (BEL) Bélgica
2014 - Suíça (SUI) 3 - 1 (FRA) França
2013 - República Tcheca (CZE) 3 - 2 (SRB) Servia
2012 - República Tcheca (CZE) 3 - 2 (ESP) Espanha
2011 - Espanha (ESP) 3 - 1 (ARG) Argentina
2010 - Sérvia (SRB) 3 - 2 (FRA) França
2009 - Espanha (ESP) 5 - 0 (CZE) República Tcheca
2008 - Espanha (ESP) 3 - 1 (ARG) Argentina
2007 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (RUS) Rússia
2006 - Rússia (RUS) 3 - 2 (ARG) Argentina
2005 - Croácia (CRO) 3 - 2 (SVK) Eslováquia
2004 - Espanha (ESP) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
2003 - Austrália (AUS) 3 - 1 (ESP) Espanha
2002 - Rússia (RUS) 3 - 2 (FRA) França
2001 - França (FRA) 3 - 2 (AUS) Austrália
2000 - Espanha (ESP) 3 - 1 (AUS) Austrália
1999 - Austrália (AUS) 3 - 2 (FRA) França
1998 - Suécia (SUE) 4 - 1 (ITA) Itália
1997 - Suécia (SUE) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1996 - França (FRA) 3 - 2 (SWE) Suécia
1995 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (RUS) Rússia
1994 - Suécia (SUE) 4 - 1 (RUS) Rússia
1993 - Alemanha (ALE) 4 - 1 (AUS) Austrália
1992 - Estados Unidos (EUA) 3 - 1 (SUI) Suíça
1991 - França (FRA) 3 - 1 (EUA) Estados Unidos
1990 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (AUS) Austrália
1989 - Alemanha R.F. (FRG) 3 - 2 (SWE) Suécia
1988 - Alemanha R.F. (FRG) 4 - 1 (SWE) Suécia
1987 - Suécia (SUE) 5 - 0 (IND) Índia
1986 - Austrália (AUS) 3 - 2 (SWE) Suécia
1985 - Suécia (SUE) 3 - 2 (FRG) Alemanha R.F.
1984 - Suécia (SUE) 4 - 1 (EUA) Estados Unidos
1983 - Austrália (AUS) 3 - 2 (SWE) Suécia
1982 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (FRA) França
1981 - Estados Unidos (EUA) 3 - 1 (ARG) Argentina
1980 - Tchecoslováquia (TCH) 4 - 1 (ITA) Itália
1979 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (ITA) Itália
1978 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (GBR) Grã-Bretanha
1977 - Austrália (AUS) 3 - 1 (ITA) Itália
1976 - Itália (ITA) 4 - 1 (CHI) Chile
1975 - Suécia (SUE) 3 - 2 (TCH) Tchecoslováquia
1974 - África do Sul (AFS) - (IND) Índia
1973 - Austrália (AUS) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1972 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (ROU) Romênia
1971 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (ROU) Romênia
1970 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (FRG) Alemanha R.F.
1969 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (ROU) Romênia
1968 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (AUS) Austrália
1967 - Austrália (AUS) 4 - 1 (ESP) Espanha
1966 - Austrália (AUS) 4 - 1 (IND) Índia
1965 - Austrália (AUS) 4 - 1 (ESP) Espanha
1964 - Austrália (AUS) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1963 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (AUS) Austrália
1962 - Austrália (AUS) 5 - 0 (MEX) México
1961 - Austrália (AUS) 5 - 0 (ITA) Itália
1960 - Austrália (AUS) 4 - 1 (ITA) Itália
1959 - Austrália (AUS) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1958 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (AUS) Austrália
1957 - Austrália (AUS) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1956 - Austrália (AUS) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1955 - Austrália (AUS) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1954 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (AUS) Austrália
1953 - Austrália (AUS) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1952 - Austrália (AUS) 4 - 1 (EUA) Estados Unidos
1951 - Austrália (AUS) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1950 - Austrália (AUS) 4 - 1 (EUA) Estados Unidos
1949 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (AUS) Austrália
1948 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (AUS) Austrália
1947 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (AUS) Austrália
1946 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (AUS) Austrália
1939 - Austrália (AUS) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1938 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (AUS) Austrália
1937 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (GBR) Grã-Bretanha
1936 - Grã-Bretanha (GBR) 3 - 2 (AUS) Austrália
1935 - Grã-Bretanha (GBR) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1934 - Grã-Bretanha (GBR) 4 - 1 (EUA) Estados Unidos
1933 - Grã-Bretanha (GBR) 3 - 2 (FRA) França
1932 - França (FRA) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1931 - França (FRA) 3 - 2 (GBR) Grã-Bretanha
1930 - França (FRA) 4 - 1 (EUA) Estados Unidos
1929 - França (FRA) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1928 - França (FRA) 4 - 1 (EUA) Estados Unidos
1927 - França (FRA) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1926 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (FRA) França
1925 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (FRA) França
1924 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (AUS) Austrália
1923 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (AUS) Austrália
1922 - Estados Unidos (EUA) 4 - 1 (ANZ) Australasia
1921 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (JPN) Japão
1920 - Estados Unidos (EUA) 5 - 0 (ANZ) Australasia
1919 - Australasia (ANZ) 4 - 1 (GBR) Grã-Bretanha
1914 - Australasia (ANZ) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1913 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (GBR) Grã-Bretanha
1912 - Reino Unido (REU) 3 - 2 (ANZ) Australasia
1911 - Australasia (ANZ) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1909 - Australasia (ANZ) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1908 - Australasia (ANZ) 3 - 2 (EUA) Estados Unidos
1907 - Australasia (ANZ) 3 - 2 (REU) Reino Unido
1906 - Reino Unido (REU) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1905 - Reino Unido (REU) 5 - 0 (EUA) Estados Unidos
1904 - Reino Unido (REU) 5 - 0 (BEL) Bélgica
1903 - Reino Unido (REU) 4 - 1 (EUA) Estados Unidos
1902 - Estados Unidos (EUA) 3 - 2 (REU) Reino Unido
1900 - Estados Unidos (EUA) 3 - 0 (REU) Reino Unido