Grand Slam

  • Crédito: GettyImages Sport

    Grandalhão sul-africano não conseguiu seguir no torneio.

Anderson é surpreendido. Cilic se recupera

Sul-africano foi surpreendido por jovem talento da nova safra de tenistas
Por: Redação - 16/01/2019 05:23:46

A boa fase que vivia o sul-africano Kevin Anderson (#6) neste início de ano, vindo da conquista do título em Pune, chegou ao fim na madrugada desta quarta-feira pelas mãos de um dos nomes da nova geração de atletas.

Em partida válida pela segunda rodada do Australian Open 2019, o norte-americano Frances Tiafoe (#39) pôs fim a uma sequência de três derrotas e conseguiu sua primeira vitória diante de Kevin Anderson — sendo sua terceira vitória sobre um top 10 em 13 jogos — em uma partida de 2h59 de duração, com parciais de 4/6 6/4 6/4 7/5.

Tentando dar um passo ainda mais longe, Tiafoe terá agora pela frente o italiano Andreas Seppi (#35), que superou o atleta da casa Jordan Thompson (#72) em sets diretos, com parciais de 6/3 6/4 6/4, em 1h54 de embate. Será a primeira vez que o norte-americano e o italiano se enfrentarão pelo circuito profissional.

 

Cilic leva susto

Não foi só Anderson quem passou aperto nesta madrugada, outro grandalhão, o croata Marin Cilic (#7), também esteve perto de dar adeus ao primeiro Slam da temporada, mas conseguiu recuperar as rédeas da partida contra o norte-americano Mackenzie McDonald (#81) e sair com a vitória por 7/6 6/7(9) 6/4 6/4, após 3h37 em quadra.

Sexto cabeça de chave, o croata terá um desafio que promete ser ainda mais duro na rodada seguinte, contra o experiente espanhol Fernando Verdasco (#28), que ainda não perdeu sets na competição, batendo seu último adversário, o moldavo Radu Albot (#98), por 6/1 7/6(2) 6/3, após 2h28 de jogo. Será a 15ª vez que eles se duelarão, com vantagem de Cilic, que soma nove triunfos e cinco derrotas.

 

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade