+ Notícias

  • Crédito: GettyImages Sport

    Árbitro português Carlos Ramos durante a final feminina do US Open.

Presidente da USTA se desculpa por incidente no US Open

A presidente Katrina Adams aproveitou a Copa Davis para se desculpar por ocorrido durante a final
Por: Redação - 13/09/2018 17:51:40
371 visualizações

Com o confronto do próximo final de semana marcado entre Estados Unidos e França, pelas semifinais da Copa Davis, houve o reencontro entre Katrina Adams, presidente da USTA, e o árbitro Carlos Ramos.

Ramos, acusado pela ex-número 1 do mundo, Serena Williams, de ter agido de forma sexista durante a final do US Open, viu a USTA (Federação Norte-americana de Tênis) se posicionar a favor de Serena após o término da partida.

De acordo com o jornalista Andrew Dampf da AP (Associated Press), a presidente da USTA, Katrina Adams, pediu desculpas ao árbitro português ao encontra-lo na cidade de Zadar, onde Ramos atuará no próximo final de semana, durante o embate entre Croácia e Estados Unidos pelas semifinais da Copa Davis.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade