+ Notícias

  • Crédito: Divulgação NextGen Finals

    O torneio será sediado na cidade de Milão até 2021.

Entenda o ATP NextGen Finals

Competição vive sua segunda edição nesta semana e tem formato inovador
Por: Marden Diller - 06/11/2018 13:21:14
210 visualizações

Em 2017 a ATP anunciou a criação de um novo torneio, que teria como objetivo testar algumas inovações que podem ou não ser implementadas no circuito profissional no futuro, além de apresentar os principais nomes da nova geração de tenistas, tudo isso com o charme da cidade de Milão, na Itália.

O ATP NextGen Finals segue a mesma premissa do World Tour Finals, mas com a limitação de reunir apenas tenistas até os 21 anos de idade. Ao contrário de seu “irmão” mais velho, o NextGen pré-classifica os 7 melhores tenistas até 21 anos e concede um convite a outro atleta que não tenha ranking suficiente para competir.

A maior diferença deste torneio para os demais está, sem dúvidas, no placar. Enquanto torneios se alternam em melhores de três e cinco sets com seis games cada, o NextGen Finals é disputado em partidas melhores de cinco sets com quatro games cada, tendo a disputa de um tie-break quando a parcial fica empatada em 3/3.

O evento realizado em Milão também foi o primeiro a ter o ‘shot clock’ em quadra, que regulamenta o tempo entre serviços, além de determinar que o tenista tem um minuto após entrar em quadra para se preparar para o aquecimento, depois mais cinco minutos de aquecimento e, posteriormente, mais um minuto para iniciar a partida.

Outras novidades são a ausência do ‘net’ no saque, de modo que se a bola bater na rede e cair na quadra do adversário, o ponto segue normalmente; a ausência de juízes de linha, com todas as chamadas sendo feitas pelo mesmo sistema que provê o desafio eletrônico, mas com a vantagem de funcionar em tempo real e informar diretamente ao juiz de cadeira se a bola foi fora ou não.

Quanto ao formato do torneio, ele se assemelha ao ATP Finals, com dois grupos de quatro jogadores e os dois melhores de cada grupo avançam para as semifinais através do cruzamento de chaves.

Por fim, dois dos pontos mais elogiados pelos participantes da primeira edição foi um tablet, que fica ao lado da cadeira do tenista, onde ele pode acessar estatísticas suas e do adversário na partida, como local de onde está devolvendo as bolas, posicionamento de saque, velocidades, erros e acertos e etc, permitindo uma avaliação contínua de sua performance; e a possibilidade de o atleta conversar diretamente com seu treinador, na arquibancada, através de um fone com microfone, apenas nas viradas de set.

O ATP NextGen Finals 2018 acontece entre os dias 6 e 10 de novembro e tem transmissão ao vivo do canal BandSports.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade