+ Notícias

  • Crédito: ITF

    Nova logo do circuito que entrará em vigor em 2019.

ITF divulga novo circuito de transição

Novo formato terá por objetivo facilitar a transição do juvenil para o profissional
Por: Redação - 08/11/2018 13:20:31

Conforme a nova temporada se aproxima, a Federação Internacional de Tênis (ITF) segue divulgando as mudanças que o circuito sofrerá em 2019. Nesta quinta, a entidade máxima do esporte anunciou o lançamento da ITF World Tennis Tour, um novo circuito que objetiva facilitar a transição do juvenil para o profissional.

Essa nova iniciativa faz parte de uma nova estrutura mundial de torneios que foi acordada entre a ITF, a ATP e a WTA para abordar os desafios atuais na transição entre o juvenil e o profissional. As novas categorias de evento serão:

- ITF 25s +: valerão pontos nos rankings da ATP (a partir da semifinal) e WTA, além de uma premiação total de 25 mil dólares na chave masculina, e de 25 até 100 mil dólares na chave feminina;

- ITF 15s: valerão pontos no ranking da Federação Internacional e premiação total de 15 mil dólares em ambas as chaves;

- ITF Juniors: os torneios de Grau A ao Grau 5, como são hoje, valerão pontos para o ranking juvenil da ITF.

Os torneios de categoria 15s terão como objetivo reduzir os custos para os jogadores e organizadores, assumindo uma estrutura que reduza também as despesas com viagens e hospedagens. A nova medida também quer aumentar o número de países que sediam torneios ITF, afim de facilitar a participação de cada vez mais tenistas nesses eventos.

Para facilitar a progressão dos jogadores de maior sucesso nos torneios júnior, 15s e 25s, haverá vagas reservadas em torneios profissionais para todos que estiverem bem no ranking de transição, incluindo convites na chave principal e qualificatório de torneios Challenger.

A mudança também abrangerá os torneios da série Future de 15 e 25 mil dólares, que também farão parte do novo ranking da ITF.

"O ITF World Tennis Tour oferece um caminho claro e integrado, projetado para atrair e reter os melhores novos talentos. É nossa missão preparar a próxima geração de jogadores, e o novo Tour ajudará a resolver os problemas de transição entre o juvenil e o profissional, além de, potencialmente, permitir que mais jogadores profissionais ganhem a vida", disse David Haggerty, presidente da ITF.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade